quarta-feira, agosto 18, 2010





Faz tempo que não escrevo aqui. De repente senti uma necessidade de deixar registrado, talvez pra ninguém, o que estou sentindo agora.
Ultimamente tenho me sentido muito inquieta...inquieta em relação a tudo ao meu redor. Sabe quando você percebe que nada está completo? Sempre falta um pedacinho de algo.

Estou indo pra Fortaleza de novo. Tentar algo novo. Buscar algo pra mim. Mas, mesmo estando eufórica e cheia de esperança. Metade de mim chora... Chora porque, por outro lado, algo não deu certo. E a sensação de ter fracassado é muito triste.
A sensação de que, Eu 'vim, vi e venci....' não se adequa a mim.

Acredito que tudo tem uma razão de ser. E não devemos ser covardes diante as situações que a vida nos coloca.
Sempre fui muito corajosa, destemida. Sempre dei minha cara à tapa pra tanta coisa...dessa vez não seria diferente.

Me sinto um pouco como há três anos atrás, quando cheguei aqui em Campinas. Com a esperança de que tudo dará certo, apesar das dificuldades.
Volto, um pouco mais crescida e com a mesma esperança de sempre...

Minha irmã me disse que: Tudo acontece para o nosso bem.
E isso é meio que um mantra pra mim. Prefiro acreditar que isso é verdade.
Prefiro acreditar que tudo dará certo, seja no começo, no meio ou mesmo no fim.

Novos caminhos, novos rumos...

Amém.